Por favor salvem esta menina. Apelo de Viana. Angola. Filha de 5 anos de idade que acerca de 2 anos está doente com Neoplasia Vesical (um tumor maligno na zona genital). O pouco que cada um pode dar já é muito para quem precisa, não precisamos ter muito para ajudar. Se cada um de nós depositar um pouco podemos ajudar a salvar a vida dessa menina. Quem puder ajudar pode depositar na conta: 000005001760033 ou IBAN A006.0034.0000.0500.1760.0334.1 de Lidia Manuel no banco Millenium

sábado, 21 de setembro de 2013

Glaucoma crônico e hipertensão intra-ocular


O glaucoma crônico simples ou de ângulo aberto é definido como uma doença ocular que pode causar lesão do nervo óptico e perda do campo visual ou ambos por morte de células ganglionares (células cujos corpos celulares se encontram na camada mais interna da retina e axônios se projetam pelo nervo óptico). Tais alterações estão associadas ao aumento da pressão intra-ocular, que é um fator adicional à lesão, mas podem ocorrer com pressão intra-ocular normal. É a segunda principal causa de cegueira no mundo, mas não há estatísticas de sua incidência no Brasil.

Dados importantes que sugerem o diagnóstico:
  • História familiar
  • Aumento da pressão intra-ocular (PIO), o manejo e diminuição desta é o único método eficaz de tratamento.
  • Início insidioso em idosos (>65anos)
  • Sem sintomas inicialmente
  • Perda da visão periférica ocorre em anos
  • Aumento da PIO pode levar a uma escavação papilar, diagnosticado à fundoscopia
Há um componente genético que contribui para o desenvolvimento da doença, a maioria dos casos ocorrem em indivíduos da raça negra e de pouca idade. Não foi demonstrada claramente a causa da diminuição da velocidade da saída do humor aquoso, (essa é a fisiopatogenia básica nos casos que cursam com aumento da PIO) mas sabe-se que há um aumento da quantidade deste e conseqüentemente aumento da PIO comprimindo e lesando as células nervosas da retina. Embora o campo visual se estreite, a visão pode permanecer até o final da doença.

Testes diagnósticos
  • Tonometria (valor normal: 10-25 mmHg)
  • Ofltalmoscopia
  • Testes de campo visual

Prevenção

Indivíduos com mais de 40 anos, com história familiar de glaucoma e negros devem fazer tonometria e oftalmoscopia a cada 3-5 anos.
Prognóstico

A doença iniciada entre 40-45 anos sem tratamento evolui para cegueira completa em média em 20 anos. O diagnóstico e tratamento precoces poderão preservar a visão durante toda a vida na maioria dos casos.

Tratamento
  • Clínico
    Classes Farmacológicas: Beta-bloqueadores (timolol), agonistas adrenérgicos, colinérgicos, pilocarpina, inibidores da anidrase carbônica, acetazolamida (diminui a produção de humor aquoso)
  • Cirúrgico
    Trabeculectomia ( indicada na falha do tratamento clínico)
OBS:Os casos de glaucoma agudo (entidade diferente da apresentada) cursam com elevação rápida da PIO e constituem uma emergência médica, os sintomas são: dor ocular intensa, visão turva, olho vermelho e pupila dilatada.
http://dicasmedicas.blogspot.com/2005/10/glaucoma-crnico-e-hipertenso-intra.html