Por favor salvem esta menina. Apelo de Viana. Angola. Filha de 5 anos de idade que acerca de 2 anos está doente com Neoplasia Vesical (um tumor maligno na zona genital). O pouco que cada um pode dar já é muito para quem precisa, não precisamos ter muito para ajudar. Se cada um de nós depositar um pouco podemos ajudar a salvar a vida dessa menina. Quem puder ajudar pode depositar na conta: 000005001760033 ou IBAN A006.0034.0000.0500.1760.0334.1 de Lidia Manuel no banco Millenium

domingo, 11 de dezembro de 2011

Soutien atípico na luta contra o cancro da mama



Maputo (Canalmoz) – A Associação da Luta Contra o Cancro (ALCC) aproveitou a organização da semana da moda, Vodacom Mozambique Fashion Week (VMFW), para chamar a atenção sobre a necessidade de redobrar esforços na prevenção contra o cancro da mama. E desta vez encontrou uma forma algo atípica para chamar a atenção dos participantes no evento. Cada mulher presente no evento recebia um soutien sem uma taça, ou seja, preparada para vestir uma mulher com apenas uma mama.
A acção da ALCC contou com o apoio da organização do evento. Durante a acção, que durou cerca de uma hora e atingiu directamente mais de 150 mulheres, foram entregues soutiens com apenas uma “taça” (parte do soutien que envolve o seio feminino).
Junto do soutien, vinha um pequeno bilhete com a seguinte mensagem: “Não deixe o Cancro de Mama virar moda. Faça o auto-exame e previna-se”.
Uma das mulheres de destaque que recebeu tal soutien foi a primeira-dama, Maria da Luz Guebuza, que se encontrava no evento.
A intenção, segundo Zeca de Oliveira, director criativo da agência de publicidade DDB Moçambique, foi “gerar discussão sobre um assunto muito importante, mas que é evitado ou desconhecido por boa parte das mulheres moçambicanas”. (Redacção)