quinta-feira, 3 de abril de 2014

Libéria suspeita de surto de ébola alheio à Guiné


Uma pessoa que nunca foi à Guiné ou manteve contacto com portadores da doença morreu infetada pelo vírus.
Mafalda Ganhão


A Libéria anunciou a suspeita de um surto de ébola, alheio à Guiné, noticia a AFP.
Um novo caso suspeito de febre hemorrágica foi detetado e, ao contrário dos anteriores (foram mencionados 14 possíveis infetados no país, dois deles confirmados), o doente, que acabou por morrer, "nunca foi à Guiné nem esteve em contacto com nenhuma pessoa suspeita de ser portadora do vírus ", afirmou fonte do ministério da Saúde.
Entretanto, o registo de cinco novos casos na Guiné-Conacri fez subir para 127 o total de infetados, dos quais 83 morreram desde que o vírus foi detetado em janeiro.
Pelo menos 35 dos casos foram confirmados por testes de laboratório, indicou a Organização Mundial de Saúde.

Imagem: AHMED JALLANZO/EPA Membros dos Médicos Sem Fronteiras estão já a chegar à Libéria para prestar auxílio