quarta-feira, 25 de março de 2009

Esquizofrenia


Finlandesa vive em aeroportos de Berlim há três meses

Portal Terra

BERLIM - Uma finlandesa vive há três meses em aeroportos de Berlim, na Alemanha, informa nesta terça-feira o site do jornal Bild. Autoridades da capital alemã temem que a mulher sofra de esquizofrenia.

Vestida de preto e com o cabelo louro sempre bem penteado, ela parece uma passageira elegante circulando pelos terminais. Porém, Jaana J., 40 anos, nunca vai embora e dorme nos bancos dos aeroportos Tegel ou Schoenefeld desde dezembro.

O Bild afirma que Jaana deixou seus pais, casa e trabalho na Finlândia e mudou-se para Berlim, mas em vez de alugar uma casa ou apartamento passou a viver nos aeroportos. Ela rejeita qualquer forma de ajuda e anda sempre com uma bolsa que não deixa ninguém ver.

Preocupados com a mulher, funcionários do Aeroporto Tegel chamaram a polícia. Ela chegou a ser levada para um tratamento psiquiátrico, mas foi liberada em seguida. Depois disso, passou a viver no Aeroporto Schoenefeld.

A família quer levá-la de volta à Finlândia, onde seria internada em uma clínica, mas as autoridades alemãs alegam que não querem colocá-la em um avião contra a sua vontade porque não está incapacitada.

O caso de Jaana remete ao filme 'O Terminal', em que Tom Hanks vive em um aeroporto dos Estados Unidos. A história parece ter sido inspirada em outra real: do refugiado iraniano Merhan Karimi Nasseri, que viveu no terminal 1 do Aeroporto Charles de Gaulle, perto de Paris, de 1988 a 2006, depois que seus documentos foram roubados. Nasseri era conhecido entre os funcionários do aeroporto como Sir Alfred Mehran.

http://jbonline.terra.com.br/pextra/2009/03/24/e240326329.asp