quinta-feira, 28 de julho de 2011

LUANDA e os desmaios nas escolas


Sobre a epidemia de desmaios: cada vez mais me convenço, que apenas se trata de anemia, que aliada à extrema desorientação social, elevado índice de analfabetismo, estresse continuo, nem dá para dormir porque o pânico é constante, destruição das famílias, cultura da violência, a cultura da feitiçaria, o caos económico e social, enfim, tudo isto provoca um estresse constante que origina os desmaios nas meninas, a maioria, pois o feminino é muito sensível.