quinta-feira, 18 de junho de 2009

AGRIÃO


Nome Científico: Nasturtium officinale R. Br.
Família: Brassicaceae
Nome Popular: Agrião

Características:
Erva com raízes gemares;

Folhas alternas, compostas de 3 - 11 folíolos oblongos e glabros;

Flores branco - amareladas, e dispostas em racinos curtos, terminais ou auxiliares; fruto silica subcilíndrica, nervada de 5cm de comprimento, contendo sementes pardacentas, apteras, rugosas, pequeninas.

Contém iodo, cobre, ferro, enxofre, fostato e óleo essencial sulfo-azotado amargo e volátil (essência de mostarda isosulfocyanato de allyla) ( Corrêa, 1926).

Comentários:

Segundo Morgan (1979), para uso em saladas, quanto mais tenra melhor. Utilizando-se a planta fresca é necessário colhê-la no momento de servir e o ato da colheita deve ser feito preferencialmente antes da floração.

Do Dictionnaire des Sciences Medicales cita: O Agrião tem sido recomendado na tuberculose pulmonar. É excelente nas desordens digestivas caracterizadas por debilidade. Usado também com êxito na dispepsia associada com flatulência e azedume. (Balbach, 198?).

Relata Corrêa (1926), que a medicina tira grande proveito do suco e do óleo sobretudo como tônico e antiescorbútico. Diz ainda que a planta é originária da Europa e que acha-se subespontânea em todo o Brasil.

Alzugary e Alzugary (1983), atribui como propriedades medicinais, ser agrião depurativo, descongestionante digestivo e diurético, que possui grande teor de vitamina "C". Funciona como antídoto aos efeitos tóxicos da nicotina, apressa a cicatrização. Seu suco adoçado com mel dá um excelente xarope para combater a bronquite, tosse e toda a sorte de enfermidade catarrais.

Balbach (198?), confere à planta, grandes poderes curativos nos casos de varíola, sarampo e que provoca transpiração, além de propriedades vermífugas.

Balbach e Boarim (1992), afirmam que o agrião convém aos diabéticos, porque encerra poucos principios amiláceos. O suco é bom para amenorréia, dismenorréia, anorexia, colecistite, colelitíase, debilidade cardíaca, debilidade geral, dematose, hidropisia, litíase renal, vermes, além de previnir a queda do cabelo em fricções diárias.

http://www.geocities.com/plantas_medicinais/agriao.htm