quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Micróbios ajudam grávidas a proteger os filhos contra alergias


Mulheres grávidas que se expõem a micróbios podem ajudar a proteger os filhos de desenvolverem alergias, de acordo com pesquisadores da Universidade de Marburg, na Alemanha. Segundo o estudo, a exposição a bactérias comuns no ambiente leva a uma resposta inflamatória que faz com que os filhotes de ratos estudados sejam mais resistentes a alergias.

HYPESCIENCE

O crescente número de pessoas com alergias nas últimas décadas geralmente é atribuído a uma tendência a manter as crianças em um ambiente muito limpo. De acordo com esta teoria, chamada de “hipótese da higiene”, crianças pequenas que se expõem a micróbios desenvolvem um sistema imunológico mais forte para tolerar micróbios e alergias quando crescem. Estudos mostram, por exemplo, que crianças que são criadas em fazendasdesenvolvem menos alergias que aquelas criadas em cidades ou em regiões rurais sem costumes de fazenda.

Entretanto, o novo estudo aponta que a exposição das crianças pode não ser tudo que importa para este tipo de proteção, cujo mecanismo ainda é um mistério. O novo estudo, publicado no início de dezembro, aponta que ratas grávidas que foram expostas a micróbios tiveram filhotes mais resistentes a alergias. A exposição liberou uma resposta inflamatória leve nas mães, que tiveram uma maior produção de moléculas imunológicas chamadas de citocinas. A resposta no corpo das mães tem um papel primordial na resistência dos filhotes, mas o processo pelo qual isso acontece ainda é desconhecido, e os cientistas ainda tentam descobrir se a reação se estende a outros tipos de fatores alergênicos, como alimentos.[Science Daily]