domingo, 17 de maio de 2009

Como cuidar dos seus olhos (5)


por Donald Patten, M.D. - traduzido por HowStuffWorks Brasil

Astigmatismo

O astigmatismo é um tipo de visão distorcida, causada por um defeito na curvatura da córnea ou no cristalino. A maioria das pessoas com astigmatismo, pode ver claramente os objetos que estão diretamente na frente delas, mas talvez sua visão periférica em cima e embaixo, no lado direito ou esquerdo ou diagonalmente, seja defeituosa.

2006 Publications International, Ltd.
O astigmatismo é causado por um defeito na curvatura da córnea ou do cristalino

Geralmente, a prescrição de óculos corrige o problema. A maioria das pessoas com astigmatismo nasce com essa tendência, mas ele pode também ser causado por doença ou lesão dos olhos. O segundo tipo é mais difícil de corrigir. Independentemente da causa, o tratamento precoce é crucial. Crianças, em particular, correm risco de ter a visão permanentemente defeituosa se o astigmatismo não for corrigido cedo.

Catarata

A catarata é um embaçamento do cristalino que resulta em escurecimento da visão. Pessoas com esse problema, vêem o ambiente como se estivessem olhando através de uma cachoeira, por isso o nome da doença. Outros sintomas incluem
sensibilidade à luz e ao brilho
cores mais fracas ou amareladas
visão noturna precária
halos em torno das luzes
A causa exata da catarata é desconhecida. O envelhecimento provavelmente é um fator determinante. Cerca da metade dos americanos com idades entre 65 e 74 têm cataratas, e essa proporção salta para 70% em pessoas com mais de 75 anos. Mas a catarata pode ocorrer também em pessoas jovens e até em recém-nascidos cujas mães contraíram rubéola durante a gestação.

Há pesquisas em andamento para determinar se certas vitaminas e minerais poderiam ajudar a prevenir ou retardar o desenvolvimento de catarata. Uma agressão ao cristalino, uso prolongado de drogas corticosteróides e altas doses de radiação (como raio-x) podem também desencadear a doença. A exposição excessiva aos raios ultravioletas também aumenta o risco.

Embora seja normalmente curável, a catarata pode levar à cegueira se não for tratada. Quando necessário, o tratamento cirúrgico restaura a visão em 95%. O procedimento é feito geralmente no ambulatório. Mas a cirurgia é feita somente quando a catarata está interferindo na vida diária.

Anos atrás, os pacientes tinham que usar óculos especiais com lentes espessas depois da cirurgia de catarata, hoje isso não é mais preciso. Agora os cirurgiões geralmente implantam uma lente intra-ocular, um pequeno disco plástico bem leve, que produz uma imagem sem distorção. Há um problema: como essa não é uma lente natural, não consegue ajustar o foco para imagens próximas e distantes. O médico e o paciente precisam decidir antes da cirurgia qual correção vão escolher.

Glaucoma

O glaucoma é um distúrbio dos olhos causado pelo aumento da pressão dentro do globo ocular, que aumenta porque os fluidos não conseguem drenar normalmente. O distúrbio é mais comum em pessoas com mais de 40 anos de idade; é a causa líder de cegueira em pessoas com mais de 60 anos.
Dispositivos auxiliares para visão
Se você estiver com a visão comprometida devido ao glaucoma ou outro problema nos olhos, existem muitos dispositivos que podem ajudar você a enxergar melhor.
óculos com lentes de aumento (à venda sem prescrição nas farmácias);
lupas;
telescópios (algumas pessoas usam pequenos telescópios encaixados nos óculos para enxergar objetos distantes, como placas na rua);
circuitos fechados de TV (estes produzem uma imagem ampliada em um monitor de TV);
livros, revistas e jornais com letras grandes;
aparelhos com voz, tais como cronômetros, relógios ou computadores;
mostradores de telefone maiores.
Lembre-se também que a iluminação adequada faz muita diferença (uma pessoa de 60 anos de idade sem distúrbio nos olhos requer o dobro de iluminação que uma pessoa de 20 anos de idade para ler confortavelmente).

Cerca de 90% dos glaucomas são crônicos; a pressão vai aumentando gradualmente, não sendo detectado por anos. Em um tipo muito mais raro, o glaucoma agudo, a pressão aumenta subitamente causando dor intensa e escurecimento abrupto da visão.

A deterioração da visão no glaucoma crônico é tão gradual e indolor, que tem sido denominada de ladrão sorrateiro da visão. Às vezes, a perda da visão periférica progride lentamente, enquanto a visão central permanece normal. Outros sintomas tardios incluem:
visão nebulosa ou embaçada; a visão periférica é normalmente afetada primeiro
dificuldade para ajustar-se ao brilho e escuridão
dor leve dentro ou ao redor do olho
um efeito de halo em torno de luzes distantes
Porém, no momento em que os sintomas aparecem, o glaucoma crônico já pode ter causado danos permanentes. É por isso que a realização de exames regulares depois dos 40 anos é essencial para identificar a doença no início. O tratamento precoce pode retardar o dano aos olhos e prevenir perda adicional da visão.