sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Velocidade de caminhada pode prever expectativa de vida


Pesquisadores encontraram uma associação bastante curiosa: a capacidade de uma pessoa para se mover reflete fortemente sua vitalidade e saúde. O estudo mostrou que aqueles que andavam um metro por segundo ou mais rápido viveram mais do que os outros da sua idade e sexo que andavam mais lentamente.

A velocidade de caminhada de uma pessoa de idade pode ser um preditor útil de quanto tempo ela vai viver. No entanto, não adianta começar a correr ou andar mais rápido na esperança de viver mais tempo.

Segundo os pesquisadores, cada corpo escolhe a velocidade de caminhada que é melhor para ele. A velocidade é um indicador de saúde. Começar a andar mais rápido não significa necessariamente que de repente você vai viver mais tempo. Ainda existem outros problemas de saúde subjacentes.

Ainda assim, o estudo demonstrou que poderia confiantemente prever a taxa de sobrevivência de 10 anos de um grupo de pessoas com base em quão rápido eles caminhavam ao longo de uma faixa de 4 metros.

A velocidade de caminhada das pessoas com expectativa de vida média era de cerca de 0,8 metros por segundo (cerca de 2,9 km/h) para a maioria das faixas etárias de ambos os sexos.
As descobertas foram baseadas na análise de nove estudos anteriores que examinaram a velocidade de caminhada, sexo, idade, índice de massa corporal, histórico médico e taxa de sobrevivência de cerca de 34.500 pessoas.

A velocidade de caminhada foi um preditor mais preciso da expectativa de vida do que idade ou sexo. Os números foram especialmente precisos para os maiores de 75 anos. Isso sugere que para os idosos, a velocidade de caminhada pode ser uma espécie de “sinal vital”, como a pressão arterial e a frequência cardíaca.

A maneira de andar e a rapidez com que se pode caminhar dependem da energia, controle de movimento e coordenação de uma pessoa, que, por sua vez, exige o bom funcionamento dos sistemas múltiplos do corpo, incluindo os sistemas cardiovascular, nervoso e músculo-esquelético. Devido a isso, pesquisadores já tinham associado a velocidade de andar com a saúde de uma pessoa no passado.

Os pesquisadores acreditam que essa descoberta vai ter muitas aplicações práticas. A velocidade de caminhada pode ser usada como ponto de corte para saber se a saúde geral de uma pessoa é normal para a sua idade.

Segundo eles, é uma maneira rápida e barata para os idosos avaliarem a sua própria saúde. Da mesma forma, os médicos podem acompanhar e corrigir a qualidade de vida dos pacientes com base neste indicador. Andar a pé, velocidade e mobilidade serão maneiras úteis de avaliar se alguém está mantendo um estilo de vida saudável, ativo e independente. [LiveScience]

http://hypescience.com/velocidade-de-caminhada-pode-prever-expectativa-de-vida/?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+feedburner/xgpv+(HypeScience)

Hypescience