Com a conivência do re­gime, os vampiros con­tinuam a sugar o sangue dos angolanos. António Roque, (português) direc­tor técnico da empresa Damer Gráficas, propriedade do Grupo Media Nova, inaugurada ofi­cialmente a 13 de Novembro de 2008 pelo então ministro da In­dústria, Joaquim David. António Roque é bem claro quan­do, no seu facebook, diz: “COMIGO TUDO EM FORMA, EMBORA NESTA TERRA DE PRETOS. MAS A MALTA RE­SISTE” In FOLHA8

quinta-feira, 14 de Outubro de 2010

Como as substâncias químicas podem causar queimaduras


Um derramamento de alumina que começou a jorrar de uma fábrica no oeste da Hungria no último dia 4 espalhou uma lama tóxica vermelha que já inundou três cidades, matou quatro pessoas e feriu pelo menos 120. O vazamento chegou ao Rio Danúbio e já matou todos os peixes do Rio Marcal, que foi atingido antes.

Essa lama grossa e levemente radiotiva contém metais pesados que podem queimar através da roupa e até da pele. Ela também é tóxica se for ingerida, e sua inalação pode levar ao câncer pulmonar, de acordo com a Unidade de Desastres Naturais da Hungria.

Mas substâncias perigosas que podem causar queimaduras químicas também podem ser encontradas fora das fábricas: muitos produtos que as pessoas usam diariamente podem conter diferentes níveis de substâncias químicas passíveis de causar queimaduras se não forem usadas com cuidado.

De acordo com o Departamento de Saúde do Estado de Nova York, queimaduras químicas podem ocorrer quando uma pessoa toca uma substância perigosa, tem contato com roupas ou outros objetos contaminados, ou a inala ou engole junto com comida, água ou remédios.

Entre as substâncias encontradas em casa que comumente causam queimaduras estão o ácido fluorídrico (usado em removedores de ferrugem), o hidróxido de sódio (detergente), a amônia, a água sanitária, e o ácido de bateria, explica Marcel Casavant, diretor clínico do Central Ohio Poison Center, do Hospital Nacional de Crianças em Columbus. Outros produtos que podem causar queimaduras são os desentupidores de ralo e o sal usado para derreter neve nas rodovias durante o inverno.

As crianças são especialmente suscetíveis às queimaduras químicas porque sua pele é mais hidratada e menos cerosa que a dos adultos. Além disso, elas têm menos camadas protetoras de células mortas que se acumulam no corpo conforme a pessoa envelhece, disse Casavant. Recentemente ele tratou uma bebê que havia engatinhado por uma pequena poça enquanto sua mãe limpava o chão. A menina sofreu queimaduras na parte da frente das pernas.

As substâncias químicas geralmente causam queimaduras de primeiro grau, que afetam a camada mais superficial da pele, mas se forem deixadas no tecido por muito tempo, podem causar queimaduras de segundo e terceiro graus, segundo Csavant.

“A coisa mais importante é sempre manter os produtos em suas embalagens originais e guarda-los trancados e fora do alcance de crianças”, aconselhou Casavant. “Quando usar as substâncias, como em limpezas, despejar apenas a quantidade que você pretende usar – não despeje uma quantidade maior num recipiente diferente e deixe de lado – e nunca abandone produtos químicos abertos”.

Os sintomas da queimadura química incluem dor abdominal, dificuldades respiratórias, pele e lábios avermelhados ou azulados, dor de cabeça, fraqueza, tontura, apreensão, inconsciência, náusea, vômito, urticária, coceira, erupção, bolhas, inchaço e dor na região da pele que entrou em contato com a substância, de acordo com o National Institutes of Health.

Algumas dicas do NIH para prevenir as queimaduras químicas:

· Evite misturar diferentes produtos que contenham substâncias tóxicas, como amônia e alvejante. A mistura pode resultar num vapor perigoso.

· Evite exposição prolongada até aos químicos mais leves.

· Evite usar substâncias potencialmente tóxicas na cozinha ou perto da comida.

· Nunca armazene produtos de limpeza em recipientes de comida ou bebida. Mantenha-os em suas embalagens originais com as etiquetas intactas.

· Guarde os produtos com segurança imediatamente depois de usar.

· Só use produtos que soltam vapores – como tintas, derivados de petróleo, amônia e alvejantes – em áreas bem ventiladas.

Se uma queimadura química ocorrer, procure atendimento médico imediatamente. [Life's Little Mysteries]

http://hypescience.com/como-as-substancias-quimicas-podem-causar-queimaduras/?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+feedburner/xgpv+(HypeScience)

HYPESCIENCE

1 comentário:

  1. Nossa isso realmente é perigoso, a Europa precisa se previnir mais, poluir menos... A reportagem é ótima, ensinar como se previnir é o mais importante no momento.

    ResponderEliminar