sábado, 30 de outubro de 2010

Estudo japonês planeja aumentar seios usando céluas-tronco


A discussão sobre a ética de se utilizar células-tronco em tratamentos pode ser finalmente resolvida se uma nova técnica, de aproveitamento de células-tronco retiradas de tecidos de gordura através de lipoaspiração, tiver sucesso. E, se ela tiver sucesso, poderá substituir, logo de cara, os implantes de silicone.

Experiências com órgãos não-vitais são mais seguras – é menos arriscado tentar “construir” seios maiores do que arrumar más-formações no coração em testes.

As células tronco derivadas da gordura podem tratar uma enorme quantidade de falhas no organismo, aumentando a capacidade aeróbica em pessoas com doenças cardíacas, aumentando o fluxo de sangue e diminuindo a incontinência em homens que passaram por cirurgias de próstata. Em estudos envolvendo ratos, as células tronco regularam funções renais.

Testes em mulheres que passaram pela remoção de seios, usada no tratamento contra câncer, se mostraram promissores. Em 2007, um cirurgião japonês iniciou os testes em humanas e os resultados mostraram que, por formar vasos sanguíneos, o tecido é bem-aceito e pode “fazer crescer” até 4 centímetros de tecido nos seios, com a aparência natural.

Se a técnica continuar funcionando, logo várias mulheres irão oferecer suas gordurinhas localizadas em troca de seios maiores, substituindo os implantes de silicone por uma aparência ainda mais natural. [PopSci]

http://hypescience.com/estudo-japones-planeja-aumentar-seios-usando-celuas-tronco/?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+feedburner/xgpv+(HypeScience)

HYPESCIENCE