sexta-feira, 25 de junho de 2010

Com preguiça de ir para a academia? Não culpe seus genes!


Aqui vai uma ótima desculpa para faltar à academia nesses dias frios do inverno: se você está mais “cheinho” esse problema é genético e não vai mudar com os exercícios. Na verdade, uma pesquisa da psicologia mostrou que, apesar de isso não ser necessariamente correto, é a desculpa que muitas pessoas “adotam” quando não querem adotar um estilo de vida mais saudável.

A pesquisa indicou que a maioria das pessoas obesas nos Estados Unidos, em vez de se esforçar para perder peso e não ter problemas de saúde, culpa os genes por sua obesidade e, como não poderiam fazer nada para mudar a genética, a dieta e a academia não funcionariam.

Outras pessoas com o que os médicos consideram “comportamentos de risco” (fumar ou beber muito álcool, por exemplo) adotaram as mesmas desculpas.

Mas é válido lembrar que esse tipo de comportamento pode causar doenças graves que podem ser prevenidas. Os médicos responsáveis pelo estudo citam algumas: diabetes, osteoporose, doenças cardíacas, hipertensão, alto colesterol, câncer de pele, de cólon e de pulmão.

Os especialistas lembram que, ao contrário de doenças hereditárias (como anemia e hemofilia, por exemplo, que realmente não podem ser evitadas – aliás, doenças hereditárias são um tipo de doença genética, mas nem toda doença genética é hereditária), o tipo de comportamento que uma pessoa adota realmente podem prevenir o desenvolvimento de uma predisposição genética em uma condição mais grave. [LiveScience]

http://hypescience.com/com-preguica-de-ir-para-a-academia-nao-culpe-seus-genes/?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+feedburner/xgpv+(HypeScience)

HYPESCIENCE