sexta-feira, 4 de junho de 2010

Cuidado com a ração do seu cachorro!


Que a comida do seu animalzinho, seja ele um cachorro, um gato, ou o que for, é uma mistureba ninguém duvida. As próprias propagandas mostram que os ingredientes são vegetais variados, carne, osso e mais uma pá de ingredientes.

Quando você dá comida para uma pessoa, dá para saber se ela tem alergia a algum ingrediente porque nossa comida não é processada da mesma forma que uma ração. Mas e quando um cachorro é alérgico a algum alimento presente em sua comida? Ele não tem como dizer para você que está se sentindo mal com sua dieta, certo?

Além disso, uma pesquisa com animaizinhos domésticos americanos mostrou que cerca de 40% deles estão acima do peso, por receberem muita comida (seja ração ou até mesmo lanches humanos). Um gato gordo pode ser até mais bonitinho, mas ele tem risco de desenvolver os mesmos problemas que um humano obeso: colesterol, pressão alta e problemas cardíacos.

Tendo em vista o resultado dessa pesquisa e a enorme variedade de tipos de comida de animais presentes, cientistas resolveram analisar a diferença entre rações do tipo Premium e do tipo convencional. Não só elas contém, basicamente, os mesmos ingredientes como os ingredientes das rações de gatos, cachorros e até de galinhas são o mesmo. Normalmente é usado caldo de carne, farinha de vegetais e farinha normal.

Veterinários avisam que muitas das rações Premium podem ser jogadas de marketing. Eles aconselham os donos a procurar por aquelas etiquetadas com o selo de “completa e balanceada” – seriam as melhores para os bichinhos. [New York Times]

http://hypescience.com/cuidado-com-a-racao-do-seu-cachorro/?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+feedburner/xgpv+(HypeScience)

HYPESCIENCE