quarta-feira, 30 de junho de 2010

A mulher que precisa comer 60 vezes por dia para sobreviver


Se você não conhece Lizzie Velasquez pode até invejá-la. Ela, basicamente, pode comer tudo o que quiser sem nunca engordar. Mas sua história está longe de ser feliz.

A moça de 21 anos possui uma doença não diagnosticada que a deixa com uma aparência esquelética e ela precisa fazer cerca de 60 refeições por dia (uma a cada 15 minutos, em média) para sobreviver.

Lizzie chega a ingerir 8 mil calorias diárias e, mesmo assim, nunca conseguiu pesar mais do que 28 quilos. Segundo o site da moça, ninguém sabe que doença ela tem ou porque ela se desenvolveu. “Espero que um dia tenhamos, milagrosamente, a resposta para todas as nossas perguntas” escreveu ela em seu website.

Ainda segundo o seu site, Lizzie nasceu prematura e era tão pequena que roupas normais de bebês não cabiam nela – ela pesava cerca de 1,300 quilo. Apesar de ter dentes, ossos e órgãos saudáveis, ela possui alguns outros problemas de saúde: tem um sistema imunológico muito fraco e é cega de um olho.

Apesar de sua condição, Lizzie tem um jeito positivo de encarar a vida e diz que não aceita piedade de ninguém. “Não me trate de um jeito diferente apenas porque eu pareço diferente” diz ela. “Fui criada por pais incríveis para ser uma garota normal e não vou deixar que nada me impeça de seguir adiante” – tanto que Lizzie é caloura da Universidade Estadual do Texas.

Um professor da mesma universidade está estudando a condição de Lizzie e acha que pode ser umproblema ocorrido no nascimento dela que está gerando todos os seus problemas de saúde. Segundo ele uma Síndrome Neonatal poderia ser responsável pela degeneração rápida de tecidos e envelhecimento precoce. Mas nada está comprovado. [NY Daily News]

http://hypescience.com/a-mulher-que-precisa-comer-60-vezes-por-dia-para-sobreviver/?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+feedburner/xgpv+(HypeScience)

HYPESCIENCE