quinta-feira, 27 de maio de 2010

Videogames funcionam como analgésicos


Uma nova pesquisa mostrou que jogar videogame reduz ansiedade e dor crônica, principalmente em períodos pós-operatórios. Os médicos responsáveis apontam os jogos como uma forma alternativa, que faria parte do tratamento para diminuir a dor de seus pacientes.

Segundo os pesquisadores a realidade virtual apresentada nos jogos não funciona apenas distraindo o paciente da dor, mas afeta a forma com que o cérebro responde aos estímulos que causam o desconforto. O mecanismo neurobiológico que está por trás do fenômeno ainda não é conhecido,

A pesquisa analisou o efeito dos videogames, primeiramente, em quem mais joga – crianças e pré-adolescentes – que foram testados em relação à sua tolerância com água fria (e os coitados estavam achando, apenas, que iam jogar Final Fantasy de graça…). A tolerância à dor variava de acordo com a idade do voluntário.

Em uma parte do estudo, no qual as crianças usavam capacetes de realidade virtual, crianças com menos de 10 anos mostraram pouca tolerância à água (embora, mesmo assim, conseguiram agüentar mais tempo do que se estivessem sem o capacete), enquanto as mais velhas se mostraram mais fortes.

Cientistas acreditam que isso ocorra devido a diferenças no cérebro, especificamente nas partes responsáveis pelas funções cognitivas do órgão, que são alteradas de acordo com a idade. [Scientific Blogging]

http://hypescience.com/videogames-funcionam-como-analgesicos/?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+feedburner/xgpv+(HypeScience)

HYPESCIENCE