quarta-feira, 19 de maio de 2010

Você é viciado em sal?


Imagine se você fosse proibido de colocar sal na comida. Se tivesse que comer todas as refeições apenas com o sal natural dos alimentos. Difícil, não é? Bom, a Food and Drugs Administration (FDA, órgão que controla a qualidade dos alimentos nos Estados Unidos) está descobrindo que isso é parte de uma “cultura do sal”. Ao longo dos anos, o sal foi se tornando cada vez mais necessário na dieta das pessoas.

O sal em excesso é um vilão na saúde. Devido ao alto nível de sódio (e estamos falando do sódio adicional contido no produto, e não do sódio “natural” do sal, o “Na” do NaCl, cloreto de sódio), aumenta o risco de ataque cardíaco devido à elevação da pressão sanguínea. Por essa razão, os americanos querem limitar o consumo de sal da população.

Essa mudança, segundo o FDA, deve partir tanto das pessoas quanto da indústria de alimentos. À população, cabe tentar reduzir, gradativamente, a importância do saleiro na mesa durante a refeição. Segundo eles, a maioria dos alimentos salgados naturalmente não precisaria de mais sal, mas o paladar das pessoas já se habitou a quantidades acima da recomendada. Por isso a mudança deve ser gradual, já que seria intragável comer salada, por exemplo, sem sal, para quem já se acostumou.

E as indústrias alimentícias também devem colaborar, com produtos menos salgados. Se as empresas forem diminuindo paulatinamente a quantidade de sal nos alimentos, segundo a FDA, será mais fácil para os consumidores “aceitarem” a diminuição. Não pode haver um “choque” na retirada de sal.

Um médico americano experimentou, com quatro colegas, fazer uma dieta livre de sal e anotar os resultados. Com uma semana nesta dieta, o nível de sódio no organismo (medido através da urina) caiu 90%, eles perderam, em média, 1,3kg. Segundo ele, não foi muito difícil entrar na dieta livre do sal. O difícil foi manter-se nela.

“Eu não poderia ter mais vida social. Em qualquer restaurante, as comidas têm sal, eu teria que levar uma sacola com meu próprio lanche sempre que saísse com meus amigos. Não é fácil ter uma dieta totalmente diferente do mundo à sua volta”.

Por essa razão, o FDA defende que a mudança não pode simplesmente partir do indivíduo. É preciso que a “estrutura alimentícia” da sociedade leve menos sal, e isso inclui as indústrias, os restaurantes e lanchonetes. [CNN]

http://hypescience.com/voce-e-viciado-em-sal/?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+feedburner/xgpv+(HypeScience)

HYPESCIENCE